Ultimas

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Diretoria do Campinens deve recorrer no Pleno do STJD

Clube deverá pagar uma multa de R$ 20 mil e realizar duas partidas de portões fechados.
Torcedor passou mal no Lacerdão

Com a punição aplicada no julgamento da noite dessa terça-feira (5), onde deverá pagar uma multa de R$ 20 mil e realizar duas partidas de portões fechados, o Campinense já planeja recorrer da decisão no Pleno do STJD. O caso julgado foi o da confusão entre torcidas na partida entre Central e Campinense, em Caruaru, no dia 27 de julho.

A diretoria da Raposa já se prepara para recorrer do resultado, e segundo o presidente do clube, William Simões, isso ainda não foi feito por falta de uma notificação oficial.

“Iremos recorrer a partir do momento que a sentença for publicada e o Campinense Clube notificado” – disse William.

Mesmo já ciente de que o clube deverá jogar duas partidas de portões fechados, sem o apoio da torcida, a diretoria da raposa segue normalmente com o cronograma de organização para o jogo de domingo (10), diante do Baraúnas-RN, pela 4ª rodada da primeira fase da Série D do brasileiro.

“A logística da partida do próximo domingo será mantida normalmente. O Estatuto do Torcedor diz que partidas só podem ser modificadas com uma antecedência de 10 dias” - finalizou o presidente do clube.

Preparação

Na tarde desta quarta-feira (6) os atletas treinam a parte tática no estádio Renatão. Na quinta e sexta-feira, a comissão técnica deverá comandar os treinamentos no estádio Amigão, local da partida do próximo domingo (10).
 Fonte: portalcorreio/ Por Maria Izabel Rodrigues

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 jornal folha informa
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates