Ultimas

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Baianos são presos na Paraíba com 423 bananas de dinamites e 100 kg de fertilizantes

Material apreendido pela PRF
Flagrante foi feito por policiais rodoviários do posto de Pombal, a 326 km de João Pessoa, na noite dessa quarta-feira.

Dois homens foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) transportando 423 bananas de dinamites equivalentes a 50 kg de explosivos. O material vinha do estado da Bahia e seguia para a cidade de São Bento, no Sertão da Paraíba. O flagrante foi feito por policiais rodoviários do posto de Pombal, a 326 km de João Pessoa, na noite dessa quarta-feira (28).

Segundo informações da PRF, um veículo Fiat Strada foi parado numa fiscalização de rotina e durante a inspeção, os policiais encontraram os explosivos e ainda 100kg de fertilizantes. A dinamite é de uso controlado do Exército.

Dinamites estavam em caixas
“As 423 bananas de dinamites estavam com escondidas em caixas entre alimentos. O motorista Amadeu de Jesus Santos, 54 anos, e Cleberson Lima, 45 anos, foram presos em flagrantes. Os presos são naturais da Bahia. Eles informaram que vinham da cidade de Campo Formoso-BA e os explosivos seriam levados para a uma pedreira em São Bento-PB. O carro tinha restrição de roubo”, comentou um policial, que preferiu não se identificar.

Dentro do veículo ainda foi encontrada uma ferramenta utilizada em escavação de buracos. A dupla e o material apreendido foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Pombal. Os homens vão ser transferidos para o presídio local ainda nesta quinta (29). Os explosivos serão periciados.A PRF acredita que o material seria utilizado na explosão de caixas eletrônicos na Paraíba e em estados vizinhos.

Carro que transportava os explosivos
De acordo com o levantamento do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários da Paraíba, no ano passado foram registradas 53 explosões contra estabelecimentos bancários no estado. Além disso, ocorreram 14 assaltos, 29 arrombamentos, 13 tentativas de violação e sete crimes conhecidos como "saidinha de banco". No total, foram 116 casos notificados de violência.

Este ano já foram quatro explosões de caixas. Na madrugada desta quinta-feira (29) mais um caso foi registrado pela polícia. Um grupo formado por cerca de seis homens explodiu um posto de autoatendimento do banco Bradesco na cidade de Mogeiro, no Agreste do estado.

Por Hyldo Pereira
Por portal correio

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 jornal folha informa
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates