Ultimas

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Duas pessoas são mortas e três corpos são achados na PB em poucas horas

Vítima estaria com amigos no momento do crime
Imagem compartilhada no WhatsApp
Um ex-presidiário foi assassinado, um rapaz de 29 anos foi morto com sete disparos de arma de fogo e dois corpos foram encontrados (um carbonizado e outro morto por um possível afogamento) durante a manhã e o início da tarde desta segunda-feira (18). Os crimes ocorreram no Bairro das Indústrias, Zona Sul da Capital, e nas cidades de Conde, na Grande João Pessoa; em Bananeiras, no Brejo paraibano, a 147 km de João Pessoa; e em Itatuba, no Agreste paraibano, a 121 km da Capital. No início da noite, em João Pessoa, o corpo de uma mulher foi encontrado no bairro Valentina Figueiredo, Zona Sul.

No Conde, um ex-presidiário foi encontrado morto dentro de um carro no estacionamento de uma pousada. Segundo o capitão Kelton Pontes, da Polícia Militar em Alhandra, a vítima foi encontrada com, pelo menos, duas perfurações de tiros na cabeça. Não existem suspeitos do crime.


“Pelos informes que recebemos, o rapaz trabalhava como mototaxista e era ex-presidiário. Populares encontraram o corpo dentro do carro e acionaram a polícia. Ainda não temos possíveis motivações para o crime e a perícia está no local e deve dar inicio as investigações”, disse o capitão.

Homem é morto enquanto jogava dominó


No Bairro das Indústrias, um homem de 29 anos de idade foi morto com sete disparos de arma de fogo enquanto jogava dominó com amigos. Segundo informações da polícia, o rapaz não possuía antecedentes criminais e ainda não existem informações sobre motivações para o crime.

Homem morre afogado dentro de pesque-pague

Já na cidade de Bananeiras, um corpo foi encontrado boiando dentro de um pesque-pague. Segundo informações da PM em Solânea, responsável pelo policiamento na localidade, a polícia recebeu ligações informando sobre o corpo.

“Recebemos ligações, por volta das 9h30, informando sobre esse corpo. Deslocamos uma viatura para o local e os policiais constataram a veracidade da informação. Houve a retirada do corpo do local e resguardamos a área até a chegada da perícia. Até o momento, a principal suspeita é de que o homem tenha se afogado”.

Ainda segundo a PM, a vítima, que já foi identificada, tinha histórico de problemas psicológicos e utilizava medicamentos controlados.

Candeeiro pode ter provocado incêndio que matou uma pessoa

Já no município de Itatuba, um corpo foi encontrado carbonizado dentro de uma casa que fica na Zona Rural da cidade. Segundo o sargento Josimário, da PM em Ingá, que é responsável pelo policiamento em Itatuba, a queda de um candeeiro pode ter provocado o incêndio.

“O corpo, carbonizado, só foi descoberto durante a manhã desta segunda por um vizinho da vítima. O incêndio deve ter ocorrido durante a madrugada e pode ter sido provocado por um candeeiro, que estava caído em um cômodo da casa”, afirmou o sargento.

O corpo do homem foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia legal (Numol) em Campina Grande.


Corpo no Valentina

No início da noite desta segunda-feira, o corpo de uma mulher foi encontrado em uma casa abandonada no bairro Valentina Figueiredo, Zona Sul da Capital. O corpo estava sem roupas e já apresentava sinais de decomposição.

A PM não tinha informações sobre as possíveis causas da morte e ainda não era possível determinar se a mulher chegou a ser violentada sexualmente. Uma perícia seria realizada e o corpo seria direcionado para a Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal de João Pessoa, no bairro do Cristo Redentor, Zona Oeste.



Por Halan Azevedo
portal correio

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 jornal folha informa
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates