Ultimas

terça-feira, 8 de março de 2016

Jornalista paraibano é preso suspeito de fraude em precatórios do Tribunal de Justiça

Portal correio


Polícia Civil disse que com o suspeito foi encontrado um veículo de luxo, uma BMW 320 avaliada em R$ 150 mil.

Polícia Civil
Um jornalista paraibano de 51 anos foi preso na manhã desta terça-feira (8) em um prédio de luxo, no bairro de Intermares, em Cabedelo, na Grande João Pessoa. Segundo o delegado Lucas Sá, a Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão preventiva em investigação por fraudes relacionadas a precatórios judiciais no Tribunal de Justiça da Paraíba.

Lucas Sá, que é titular da Delegacia de Defraudações de João Pessoa, disse que com o suspeito foi encontrado um veículo de luxo, uma BMW 320 avaliada em R$ 150 mil. O automóvel tem pendências tributárias. Ele foi preso em casa e reagiu. O carro não foi apreendido por estar em situação legal.

“O preso é investigado pela Defraudações desde o ano de 2012 por fraudes relacionadas a “esquemas” em precatórios judiciais. O suspeito informava ter contatos importantes e influência junto ao TJPB, de maneira que conseguiria agilizar a tramitação de diversos processos judiciais e a liberação de precatórios, cobrando uma “comissão” por seus serviços”, explicou Sá.

O delegado disse ainda que “as investigações comprovaram, ainda, que o jornalista agiu de maneira fraudulenta, recebendo R$ 85 mil em sua conta pessoal, para supostamente “agilizar” um processo judicial que tramitava no TJPB. No entanto, o suspeito recebeu os valores diretamente da vítima, através de transferência bancária, mas não realizou nenhum serviço, apropriando-se indevidamente dos valores recebidos e negando-se a devolver os valores à vítima. O jornalista também ameaçava e coagia as vítimas. Uma delas foi agredida fisicamente por ele”, falou.

Conforme Lucas Sá, por não ter curso superior, o comunicador foi encaminhado para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa, onde ficará a disposição da 6ª vara criminal. “As investigações da Delegacia de Defraudações continuarão com o objetivo de comprovar a participação de outros suspeitos e de identificar outros crimes que possam ter sido praticados”, disse.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 jornal folha informa
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates