Ultimas

segunda-feira, 6 de março de 2017

Líder Efraim comenta nova rodada de indicadores positivos.

Por
DEM
foto L Barbosa


Líder comenta nova rodada de indicadores positivos e lembra que brasileiros ainda sentem efeitos dos equívocos do PT

“São fatores positivos. Os brasileiros ainda sentem os efeitos dos equívocos do PT, como, por exemplo, quando pagam mais caro pela energia elétrica”



Embora a situação econômica do país ainda seja grave, fruto dos 13 anos do desgoverno do PT, o líder Efraim Filho (DEM-PB) comenta os indicadores positivos que impactarão o nível de emprego e a recuperação da renda das famílias. Cita a queda da taxa básica de juros e as perspectivas de novas reduções, a inflação em queda e a perspectiva de retomada econômica, todos divulgados nos últimos dias. “São fatores positivos. Os brasileiros ainda sentem os efeitos dos equívocos do PT, como, por exemplo, quando pagam mais caro pela energia elétrica”, afirma.
Lembra que, ao final de 2012, Dilma Rousseff/PT ocupou horário de televisão, em rede nacional, para anunciar uma redução média de 20% na conta de energia. “O que se viu, depois da marquetagem do PT, foi ônus para os consumidores, além de insegurança e prejuízos para companhias e investidores”, diz. A conta de mais esta “trapalhada” não para de chegar: somente em 2015, a conta de energia elétrica do brasileiro subiu mais de 50% e outros aumentos acontecerão nos próximos anos.
Efraim Filho também lembra que o PT tentou reduzir a taxa básica de juros – a Selic – de forma artificial, na base da canetada, por meio de pressão política. “Deu no que deu: inflação em alta”, lamenta o líder do Democratas. Agora, comemora ele, as projeções do mercado indicam que a Selic fique em 9,25% no final de 2017. Atualmente, o juro básico está em 12,25%. “Sem intervenções políticas e de forma gradual, a economia volta para os eixos”, completa.
Efraim Filho cita, ainda, as projeções para a inflação, que deve fechar o ano em 4,36%, e para o Produto Interno Bruto (PIB), que deve crescer 0,48%. Para o ano que vem, o boletim Focus, do Banco Central, prevê expansão da atividade de 2,30% para 2,37%.


Postar um comentário

 
Copyright © 2013 jornal folha informa
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates