Publicidade

Mais de 7,5 mil pessoas receberam duas doses de vacina contra Covid em JP; 30.636 tomaram primeira dose

Do total estimado de 43.861 trabalhadores de saúde, 23.774 (54,2%) já receberam a primeira dose na Capital


Dados foram apresentados por Comitê de Combate à Covid-19 (Foto: Divulgação)

João Pessoa aplicou a primeira dose da vacina contra Covid-19 em 30.636 pessoas, segundo dados divulgados nessa segunda-feira (1º) pela Prefeitura Municipal. Outras 7.577 pessoas receberam as duas doses de imunizante.

Do total estimado de 43.861 trabalhadores de saúde, 23.774 (54,2%) já receberam a primeira dose na Capital. Entre os idosos com 80 anos ou mais, a cobertura vacinal é de 42,55%: do total estimado de 14.746 pessoas, 6.275 já tomaram a primeira dose da vacina.

Desde 19 de janeiro, início da campanha de vacinação contra o novo coronavírus, João Pessoa recebeu da Secretaria de Estado da Saúde 34.177 doses para aplicação da primeira dose e 16.547 doses para a aplicação da segunda dose.
Alta nos casos e na ocupação hospitalar

Segundo o Comitê de Combate à Covid-19 da Prefeitura de João Pessoa, a capital paraibana contabilizava, até essa segunda-feira, 50.437 casos de infecção pelo novo coronavírus e 1.202 óbitos em decorrência da Covid-19. A taxa de ocupação de leitos de UTI para adulto era de 87,4%, enquanto os leitos de enfermaria para adulto estavam 90,1% ocupados nessa segunda-feira.

Levando em consideração os últimos 15 dias, os bairros com maior número de novos casos são: Mangabeira, Valentina Figueiredo, Gramame, Bancários, Manaíra, Cristo Redentor e Ernesto Geisel, cada um com pelo menos 75 novos casos.

“Estamos acompanhando esses números diariamente e reforçando o alerta à população sobre a importância do distanciamento social para não aumentar o número de casos da Covid-19”, destacou o secretário de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha.

Atualmente, a Grande João Pessoa conta com 161 leitos de UTI para pacientes de Covid-19, sendo 90 da rede municipal, incluindo os hospitais Prontovida, Santa Isabel e Valentina. Com os novos leitos solicitados nessa segunda-feira pelo prefeito Cícero Lucena ao Ministério da Saúde, a rede municipal deverá contar com 125 leitos de UTI nos próximos dias.

“Estamos empenhados na ampliação de leitos e testagem, na vacinação dos grupos prioritários e na fiscalização dos estabelecimentos. Mas também precisamos da cooperação da população para reduzir a transmissão do vírus”, afirmou Rossana Sá, secretária executiva de Saúde da Capital.

“Se o distanciamento social pode reduzir a situação apresentada, a presença de novas variantes do vírus pode agravar. Por isso que estamos estudando e avaliando diariamente e na próxima semana já devemos ter algum grau de repercussão das medidas de restrição”, frisou Felipe Proenço, médico de Família e Comunidade e membro do Comitê Covid.

Testagem.

Além da ampliação de leitos, a Prefeitura está ampliando também a testagem na população, com a realização dos testes RT-PCR/Swab e testes rápidos em 30 unidades de saúde da família (USF) distribuídas pela cidade e nos dois Centros de Testagem para Covid, inaugurados nesta segunda-feira (1º) nas escolas municipais Zumbi dos Palmares, em Mangabeira, e Seráfico da Nóbrega, em Manaíra. Neste primeiro dia de atividades foram realizados 333 testes, sendo 249 em Mangabeira e 84 em Manaíra.


Portal correio.

Postar um comentário

0 Comentários